página inicialProdutos › Processo Produtivo
Processo Produtivo

Processo Produtivo

O petróleo bruto chega a RPR através do Pier Petroleiro, onde é bombeado diretamente do navio até os tanques de petróleo da RPR, com capacidade de armazenamento 100 mil m³.

A primeira etapa do processamento do petróleo é chamada de destilação atmosférica. Nesta etapa o petróleo passa por um pré-aquecimento, após uma dessalgação, para retirada de água e sais presentes no petróleo, depois disso temos o aquecimento final, através de fornos, onde é aquecido a cerca de 320ºC, indo para a torre de fracionamento onde são produzidos a nafta, o diesel e um resíduo chamado Resíduo Atmosférico.

Esta torre de destilação possui uma série de pratos (cerca de 30), onde é efetuada a separação dos derivados do petróleo.

A próxima etapa do refino é a destilação à vácuo, que tem como matéria-prima o Resíduo Atmosférico, oriundo da destilação atmosférica. Esta unidade opera com pressões inferiores à atmosférica, o que denominamos de vácuo, possuindo uma operação semelhante à destilação atmosférica, sendo a grande diferença a operação com vácuo e temperaturas de aquecimento da matéria prima em torno de 400ºC. Esta unidade produz Óleo combustível ou Asfalto, Gasóleo Pesado e Gasóleo Leve. A próxima etapa é o Craqueamento Catalítico Fluido (FCC).

A carga desta unidade é o Gasóleo Pesado, oriundo da Unidade de Destilação a Vácuo. O FCC é uma unidade que chamamos de conversão, pois ela modifica a estrutura dos hidrocarbonetos (compostos de hidrogênio e carbono que fazem parte do petróleo), diferente das destilações que apenas separam os hidrocarbonetos com a utilização de aquecimento.

Nesta etapa o Gasóleo Pesado é submetido a ação de um catalisador e temperaturas de reação de 510ºC numa secção chamada conversão, onde vaporiza totalmente e transforma-se em gases que são enviados para uma área de fracionamento e concentração de gases com um funcionamento semelhante ao das destilações. Nesta área são separados o Gás Combustível, GLP, Gasolina de alta octanagem, e diluentes de óleo combustível. Existem ainda unidades de tratamento para GLP e Gasolinas.

A RPR possui ainda uma pequena unidade para produção de solventes leves para uso em formulação de tintas, resinas, isopor, pneus, etc.





Refinaria

Com 82 anos de atuação, a Refinaria de Petróleo Riograndense, localizada em Rio Grande (RS), no extremo Sul do Brasil, é a mais antiga Refinaria em operação no país.

Veja Mais

 

Meio Ambiente

A RPR é certificada na ISO 14001 desde 2002 e em 2011 foi certificada na ISO 9001(Qualidade) e OHSAS 18001(Saúde e Segurança).

Veja Mais

 

Comunidade

É vital que Empresas estejam inseridas em suas comunidades, gerando postos de trabalho, impostos e relacionamentos com seus públicos de interesse. A comunidade pode falar com a RPR pelos telefones: 53 3233-8000 ou 32338145.

Veja Mais